Cazuza recebe homenagem no Museu da Língua Portuguesa

mystique

 

Cazuza é a imagem do rock brasileiro nos anos 70. Rebelde e contestador, vivia de forma intensa e queria mudar o mundo, e levou isso para os versos de suas músicas. Em homenagem aos 23 anos de sua morte, o Museu da Língua Portuguesa abre hoje a exposição Cazuza Mostra sua Cara, com curadoria do arquiteto e cenógrafo Gringo Cardia. A mostra ocupa o primeiro andar e apresenta o músico como um dos expoentes da canção popular, que soube unir a tradição escrita à oral, fazendo a poesia circular livremente do livro para a música.

 

 

“As pessoas se aproximam mais das palavras por meio da música em um País como o nosso, com uma tradição oral muito significativa. E a tradição escrita vai além dos grandes nomes da literatura: também é popular, está no sangue do brasileiro. Cazuza, afinal, era um poeta”, comenta Gringo, que contou com a consultoria da historiadora Heloisa Starling e do jornalista e crítico musical Silvio Essinger para construir a narrativa da exposição. A ideia é instigar o visitante a embarcar em uma viagem pela obra e vida do artista, “fazendo-o sair do eixo, envolver-se e emocionar-se”.

 

 

Esta é a primeira vez que o museu abre suas portas a um músico. É bacana observar como, até hoje, frases de Cazuza continuam influenciando os jovens. Algumas delas, como “meus inimigos estão no poder” (Ideologia) e “Brasil, mostra a tua cara!” (Brasil), ainda estão nas passeatas. O acervo também reúne objetos pessoais, como óculos escuros, telefone, camisa, calça e até mesmo a escova de dentes. Interativa, como é a proposta do espaço, a exposição tem uma sala para karaokê. Outro “point” é o banheiro, onde projeções de shows animam as paredes. Da redação. :)

 

 

O que: Exposição Cazuza Mostra sua Cara

 

 

Quando: de hoje até 23.02.2013, terças, das 10h às 22h, e de quartas a domingos, das 10h às 18h. Os ingressos custam até R$ 6, mas aos sábados a entrada é gratuita
Onde: Museu da Língua Portuguesa, Praça da Luz, s/n, Centro, SP
Importante: hoje, o acesso ao museu é gratuito e a visitação poderá ser feita até 22h

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.
Required fields are marked:*

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>